Onde está o Plano de Contingência de Poços contra a Covid-19?

De volta para Blog

Onde está o Plano de Contingência de Poços contra a Covid-19?

Onde está o Plano de Contingência de Poços contra a Covid-19?

Desde outubro de 2020 Poços de Caldas não faz parte do Plano Minas Consciente, o programa de contingência do Estado de Minas Gerais que agrega dados econômicos e de saúde pública e que divide as atividades em quatro “ondas”. Este protocolo é baseado em indicadores de capacidade de atendimento das unidades de saúde e de propagação da Covid-19, avaliando-se o cenário de cada região do Estado e a taxa de evolução da doença.

O plano de contingência é a premissa para assertividade das ações da liderança e para a resolução das demandas frente às situações de crise, que variam das mais simples às mais complexas e que exigem ações internas e parcerias externas para os seus enfrentamentos.

            No dia 08/01, o Comitê de Saúde da Secretaria de Saúde de Poços de Caldas publicou uma nova resolução que definiu quais atividades econômicas continuariam com as suas atividades suspensas por mais um período.

Mas ficam as perguntas: Quais foram os critérios para a publicação desta resolução? Onde está o plano de contingência de Poços de Caldas com os indicadores de saúde e a sua correlação com a atividade econômica? Caso o município estivesse no Minas Consciente, estaria na faixa vermelha.

Não estou aqui pedindo o fechamento de nenhuma atividade econômica e sim transparência para que a população acompanhe o cenário real. E um plano de contingência é a primeira parte do processo. Sem isso, o município não se organiza minimamente. Então, quanto mais cedo se preparar, melhor suporte a população vai ter.

O que está disponível no portal da transparência da Prefeitura de Poços de Caldas é o Plano de Flexibilização e estamos falando de um plano de contingência ou plano municipal que fixa graus de progressão ou regressão dentro de fases distintas, de acordo com a situação epidemiológica registrada pela Secretaria Municipal de Saúde.

De acordo com especialistas da área, a avaliação levaria em consideração critérios como a análise do número de novos casos registrados por testes rápidos e de sorologia nos últimos sete dias, a relação entre os testes positivos e o total realizado em uma semana e a razão entre a taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ocupados e o número total de leitos existentes na rede municipal de saúde. O plano teria como uma das funções monitorar a cidade por regiões e por critérios e assim fazer o cálculo da fase de risco e o enquadramento de cada região da cidade: capacidade de resposta do sistema de saúde e evolução da epidemia.

O fato é que não se pode responder a uma situação tão grave com decisões isoladas para atender pressões e necessidades localizadas. As ações de enfrentamento ao Covid-19 têm que ser pensadas para além das ações de saúde. Devem atuar sobre as condições sociais e na diminuição das desigualdades sociais

Nunca é demais lembrar que as UNIVERSIDADES podem colaborar muito nesse trabalho e devem ser acionadas. A Ciência esta aí para ajudar. A vacina contra o coronavírus chegou em tempo recorde para comprovar isso!

Yula Merola – Farmacêutica-Bioquímica e Doutora em Ciências. Empreendedora Cívica da RAPS, Lider do Movimento Acredito, RenovaBR, membro da Associação Poços Sustentável-APS, Movimento Lixo e Cidadania.

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

What do you want to do ?

New mail

Compartilhar este post

De volta para Blog